Atividades do SCE

Acompanhe aqui as atividades e os eventos organizados pelo GVces no contexto do Sistema de Comércio de Emissões 31/03/2017
COMPARTILHE

Simulação de Sistema de Comercio de Emissões (Simulação) – Ciclo 2019

Para dinamizar e melhorar a experiência das empresas, o ano de 2019 será dividido em dois ciclos: uma conciliação no primeiro semestre e outra no segundo. Ambos terão as emissões de 2018 como referência. Assim, é possível testar diferentes arranjos e parâmetros em cada uma das partes, permitindo que as empresas adotem estratégias diversas e busquem aprimorar suas atuações no mercado.

Agenda 2019

Fevereiro

Em 21 de fevereiro foi realizado o treinamento da Simulação de SCE 2019, na FGV, em São Paulo. O propósito desta atividade foi capacitar as empresas acerca dos principais conceitos de precificação de carbono e dos instrumentos regulatórios utilizados para tanto (tributação e sistema de comércio de emissões), bem como destacar a importância e apresentar os contextos nacional e internacional da agenda de precificação. Além disso, foram expostas e debatidas as regras e parâmetros da iniciativa, bem como o cronograma de atividades.

Abril

O primeiro leilão de 2019 aconteceu no dia 4 de abril, dando início às operações nos mercados (primário, secundário e de derivativos) em que permissões e offsets são negociados. Alguns dados deste primeiro leilão:

  • Foram ofertadas 17.687.432 permissões (cada uma equivalente a 1tCO2e); 
  • O preço de abertura foi de Ec$ 30,00;
  • A demanda total foi de 70.044.400; 
  • Lances atendidos estiveram entre um mínimo de Ec$ 36,00 e um máximo de Ec$ 46,00;
  • Todas as permissões ofertadas foram vendidas.

Ainda nessa primeira parte do ciclo de 2019, teremos mais dois leilões, previstos para acontecerem em maio e junho. Dependendo da demanda por títulos no mercado secundário, leilões adicionais poderão ser anunciados.

Mais informações sobre a Simulação de SCE

  • O objetivo de cada empresa é conciliar (parte de) suas emissões diretas, de fontes de sua posse ou sob seu controle, do ano de referência (2018), com os títulos em sua carteira; para tanto transacionam permissões para emitir e offsets nos mercados. As operações ocorrem na plataforma de negociação da Bolsa Verde do Rio de Janeiro – BVRio e as empresas fazem uso de moeda fictícia (Ec$).
  • As regras, parâmetros e instruções normativas (ciclo 2019) poder ser acessadas aqui.
  • Para mais informações, escreva para cg.sce.epc@fgv.br